Blog

como funciona o mercado de conciliacao no brasil a necessidade da evolucao tecnologica

Como funciona o mercado de conciliação no Brasil: a necessidade da evolução tecnológica

Conciliação é a análise de dados das contas e sua movimentação para validar o saldo à realidade financeira das empresas, apontando e realizando os ajustes necessários na escrituração contábil e apuração fiscal. É um dos pilares que garantem a saúde financeira das companhias e permitem direcioná-las para estratégias futuras. Ainda assim são poucas as que utilizam ferramentas tecnológicas na conciliação, muitas por ainda não conhecerem esta tecnologia e também por conta da cultura e das particularidades do mercado brasileiro.

Alguns fenômenos que acontecem apenas no Brasil dificultam a conferência das informações. O primeiro deles são as diversidades de impostos e alíquotas aplicadas aos serviços e produtos em cada região do país, gerando a necessidade de conferência de todos os valores após as vendas realizadas para apurar diferenças tributárias. Além disso, a ?criatividade? em modelos vigentes de pagamentos, com prazos de parcelamentos extensos, taxas distintas de administração sobre vendas por parte das adquirentes e antecipações de recebíveis por instituições financeiras, exige atenção do comerciante com a real previsão de recebimentos e fluxo de caixa.

Mesmo com esse volume financeiro cada vez maior e sem a devida gestão, as organizações ficam com receio de investir em tecnologia na área financeira e contábil. O maior temor é com a segurança da informação: há o temor de que os números em relação ao faturamento sejam violados ou até mesmo utilizados por terceiros. Além disso, há a própria falta de cultura do mercado nacional e desconhecimento dos benefícios do investimento em automação de processos.

Evolução tecnológica: é preciso
É preciso educar o mercado e mostrar aos empresários a importância de uma solução tecnológica e sua contribuição na difícil tarefa de conciliação de contas e gestão de recebíveis. O sistema faz uma conferência praticamente em tempo real e traz agilidade, segurança e controle em todos os processos financeiros e contábeis, gerando resultados efetivos para a companhia. Assim, diminui o risco de perda, minimiza erros e a falta de informação para os gestores quando lidam com decisões, negociações e prazo.

O conceito da conciliação automatizada de recebíveis é recente e não faz nem cinco anos que as primeiras corporações perceberam a importância do investimento em soluções neste sentido. Com meios de pagamentos cada vez mais eletrônicos (a última novidade é a transação feita diretamente do smartphone), a demanda por recursos tecnológicos deve crescer substancialmente. Não é fácil, mas a resistência inicial está sendo quebrada e os benefícios deste processo estão trazendo resultados que se propagam dentre as empresas. Realizar a conciliação é uma necessidade para compor a margem do produto/serviço. Fazê-la de forma virtual e sem falhas é essencial para os ganhos efetivos da companhia.

Como funciona
As ferramentas podem ser integradas aos ERPs da organização ou qualquer Sistema Legado e utilizam potentes bancos de dados para dar conta do trabalho. Assim que uma transação é realizada, inicia-se um processo de gestão, validação e conferência dos valores, taxas e processos, disponibilizando para o profissional responsável os dados para análises e tomadas de decisão. Isso facilita a administração e traz resultados e benefícios para as empresas.

Fonte: TI Especilistas – 26/08/2014

Solução
A conciliação de cartões de crédito automatizada é um processo novo no mercado e por isso, muitas vezes desconhecido. Você conhece a Conciliadora? Nossa missão é monitorar todas as suas transações de forma prática e segura.

Quer melhorar sua gestão financeira? Entre em contato com nossa equipe de consultores.

Compartilhar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.