Blog

entenda a evolucao do mercado de cartao de credito nos ultimos 14 anos

Entenda a evolução do mercado de cartão de crédito nos últimos 14 anos

Você sabe como foi a evolução da história do mercado de cartão de crédito? Nós já estamos acostumados com esse meio de pagamento, não é mesmo? O cartão de crédito está presente em maior parte do nosso dia a dia. Mas o seu mercado nem sempre foi como é hoje!

Começamos a análise no ano de 2002. A quantidade de transações com cartão vem crescendo com consistência desde então. Do primeiro trimestre de 2002 para o quarto trimestre de 2007 houve um aumento significativo – de 275 milhões para 2 bilhões de transações. Estes dados foram divulgados pelo Relatório sobre a Indústria de Cartões de Pagamentos (2007) realizado pelo Banco Central do Brasil (BCB) em parceria com a Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae), do Ministério da Fazenda e com a Secretaria de Direito Econômico (SDE), do Ministério da Justiça.

Neste período eram permitidos os contratos de exclusividade entre operadoras de cartões e bandeiras. Por isso, prevalecia no mercado um número mais restrito de bandeiras, já que não havia competitividade. Em 2007, mais de 90% dos cartões ativos (crédito e débito) eram das duas maiores bandeiras, Visa e MasterCard.

Veja no gráfico a seguir a elevação do número de transações entre 2004 e 2007: (Fonte: Abecs / publicado na Análise: Mercado de Cartões de Crédito: Ministério da Fazenda)

sem-titulo-2

Cartão de crédito x Cheque
E o cheque? Você usa com a mesma frequência que usava há alguns anos? À medida que o uso de cartão de crédito ficou mais frequente, o cheque foi perdendo seu lugar. Em 2006, a quantidade de transações com cartão de crédito já era maior que o uso de cheques. Veja no gráfico a seguir: (Fonte: Banco Central do Brasil)

grafico-2

 

De 2008 a 2009
Em 2009, existiam no Brasil 74,9 milhões de cartões de crédito ativos. Isso revela um crescimento de 12,5% no estoque de cartões de crédito ativos. Esses dados foram apontados pelo Relatório sobre a Indústria de Cartões de Pagamentos (2008-2009), do Banco Central.

Comparando esse crescimento com o dos anos anteriores (até 2007), pode-se concluir que houve uma redução nos cartões ativos. Em compensação, o uso dos cartões de crédito aumentou – em 2009, foram realizadas 2,8 bilhões de transações, o que significa um crescimento de 28,7% em relação a 2007.

2010 a 2013
Neste período, não poderia ser diferente: constante crescimento do uso de cartões. Em 2013, o faturamento de cartões de crédito apresentou um crescimento de 14,7% em relação ao ano anterior. Veja o gráfico a seguir que mostra o índices desde 2007: (Fonte: Banco Central do Brasil – Pagamentos de Varejo e Canais de Atendimento: Dados Estatísticos 2013)

imagem4

Em 2013, prevaleceu o atendimento pela internet como canal de atendimento das empresas, apresentando um aumento de 23,1% em relação ao ano anterior.

Entenda os principais fatores para as mudanças no mercado de cartões
Para você entender melhor os fatores que influenciaram as mudanças deste mercado, veja os principais acontecimentos nesses anos em ordem cronológica:

1 – Ausência de competição – Controle do mercado pelas duas maiores bandeiras – Visa e MasterCard;

2 – Fim dos contratos de exclusividade entre operadoras de cartão e bandeiras;

3 – Mais competitividade no mercado, surgimento de novas adquirentes e bandeiras – maior possibilidade de negociação das empresas e redução de custos;

5 – Regulamentação do mercado de cartões de crédito pelo Banco Central;

6 – Constante crescimento da preferência pelo uso de cartões pelos consumidores devido à praticidade e segurança.

2014
Em 2014, o crescimento do mercado de cartões foi de 14,8%, para R$ 978,8 bilhões, segundo a Abecs. Para 2015, era esperado um crescimento de 9% em 2015 ante 2014, para R$ 1,05 trilhão com as funções crédito e débito.

Tendências
Qual foi a última vez que você comprou com dinheiro de papel? Estamos cada vez mais acostumados com o dinheiro de plástico. É mais prático e mais seguro! As transações com cartão de crédito crescem em uma média de 30% ao ano no Brasil. E a tendência é aumentar!

Muitas empresas ainda não sabem a importância de se adotar esse meio de pagamento em seu negócio. Mas à medida que as pessoas entendem que, com ele, podem aumentar as suas vendas, o mercado brasileiro de cartões de crédito vai só aumentando.

Segundo a Associação das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs) a estimativa para fechar o ano de 2016 é um crescimento de 6,5% ante 2015, somando R$ 1,15 trilhão em transações com cartões de crédito e débito.

Conciliação de cartões
Você tem controle de todas suas vendas? Neste cenário de constante crescimento nas vendas com cartão? Fale conosco, podemos te ajudar.

Leia também: Como funciona o mercado de conciliação no Brasil.

Compartilhar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.