Blog

4 dicas para você vender com segurança durante a Black Friday

4 dicas para você vender com segurança durante a Black Friday

A sua empresa está preparada para minimizar os prejuízos causados por possíveis fraudes com cartão na Black Friday?

A Black Friday caiu no gosto dos brasileiros. Neste ano, a sexta-feira de descontos será no dia 23 de novembro. A expectativa do comércio em geral promete ainda mais sucesso do que no ano passado!

É isso também que mostram os dados. O brasileiro está disposto a gastar mais este ano de acordo com uma pesquisa da PayU, provedora global de serviços de pagamento on-line. E o mais importante dos resultados apurados pela mesma pesquisa: o cartão de crédito continua sendo a forma de pagamento favorita.

Sendo ainda a principal data para o e-commerce brasileiro, o consumo on-line esperado na Black Friday para 2018 é ainda maior do que ano passado. Segundo uma pesquisa da Ebit|Nielsen, 88,6% dos e-consumidores têm intenção de comprar na ocasião. Uma alta de oito pontos percentuais em relação à pesquisa de expectativa de consumo realizada em 2017.

Quer vender com segurança? Saiba como gerir suas vendas com cartão nesta data. Leia as nossas dicas.

Não deixe de ler nosso último artigo sobre os 15 termos financeiros indispensáveis se seu objetivo é gerir melhor

#Dica 1 – Certifique se seu produto está sendo entregue

entrega do produto

Imagine uma situação normal de venda na sua empresa. O consumidor tem a comprovação de que o processo de pagamento está correto e aguarda sua mercadoria.

Mas a mercadoria não chega. Automaticamente, ele irá pedir o cancelamento da compra.
Como você não monitorou se o produto ou serviço estava mesmo a caminho de ser entregue ou realizado, além de perder o dinheiro, sua marca perde a credibilidade.

Caso você acompanhe todas as etapas das situações de venda, há a possibilidade de detectar e resolver o problema a tempo de entregar corretamente.

Isso vale também para a Black Friday. É importante fazer este acompanhamento principalmente porque o volume de vendas é maior, aumentando assim as chances de erros e falhas nas entregas.

 

 

 

#Dica 2 – Atenção para a legitimidade de cada pedido

legitimidade do pedido

Uma prática pouco utilizada pode fazer a diferença nas suas vendas. Você já pediu documentos de identificação para o cliente? Ou se você tem um e-commerce, pede dados completos de cada consumidor?

Se não, saiba que conferir se quem está comprando é realmente o titular do cartão de crédito ou débito vale a pena!

A atenção na Black Friday deve ser redobrada. Apesar do uso de sistemas antifraudes minimizar a quantidade de golpes realizados, eles continuam acontecendo.
Muitos fraudadores aproveitam o grande movimento da sexta-feira de descontos para passarem despercebidos.

Clique e conheça casos reais de fraudes com cartão.

#Dica 3 – Monitore chargebacks

monitorar chargebacks

Como ocorre o chargeback?

A compra foi realizada e você entregou o produto. Mas o dinheiro ainda não caiu na sua conta porque existe um processo extenso desde a aprovação do pedido até recebimento. Neste momento, o titular do cartão não identifica a compra já que ela foi fraudada. A operadora de cartão cancela a compra e você não recebe o dinheiro.

Para monitorar chargebacks:
Só quando a sua empresa faz o monitoramento frequente das vendas com cartão é possível identificar a ocorrência de chargebacks dentro do prazo para recorrer à operadora de cartão.

Nestes casos, é fundamental que você tenha todos os dados da transação para fazer a conciliação de cartão automatizada de maneira correta. Não se esqueça disso nesta Black Friday. Saiba mais na próxima dica.

Quer entender mais sobre monitoramento de chargebacks? Leia este artigo.

#Dica 4 – Tenha todos os dados para fazer a conciliação de cartão automatizada

conciliação automatizada

Passou a Black Friday e você quer conferir as suas vendas. E agora? Foram muitas vendas. Você se lembrou de tudo o que precisa para fazer a conciliação detalhada na sua empresa?

Você já sabe que a venda com cartão envolve um complexo processo desde a aprovação na maquineta até o recebimento na conta. Sabe também da possibilidade de fraudes com cartão.

E mais: você já tem em mãos um sistema eficiente para fazer o controle das vendas.
Mas, vale lembrar que sua empresa deve fazer sempre a conferência dos dados. E na Black Friday não poderia ser diferente.

São dois casos na conciliação de cartão de crédito e débito:
O primeiro é quando você utiliza um sistema de conciliação de cartão integrado com o seu sistema de vendas.

Neste caso, todos os registros das vendas são feitos automaticamente. Isso significa que a conciliação confere se o que o seu sistema lançou foi o mesmo que a operadora de cartão também registrou. Como não foi preciso lançar nada, não há a possibilidade de erros humanos.

Já no segundo caso, você precisa guardar todas as filipetas. Isso porque a conciliação de cartão não é integrada com o seu sistema. Confronte os seus registros com os registros das operadoras de cartão com muita atenção.

Nesta Black Friday, não deixe de conferir todas as transações das vendas com o cartão no sistema.

Só assim, você poderá recorrer a tempo à operadora de cartão para não perder dinheiro. É uma das diversas vantagens da conciliação de cartão.

Não se esqueça que para recorrer é preciso comprovar a venda. Guarde as filipetas e comprovantes de entrega dos produtos.

Saiba mais sobre o que você precisa para fazer a conciliação de cartão. Clique e leia este artigo.

Vamos fazer a conciliação de cartão completa na Black Friday? Clique e acesse o site da Conciliadora.

Compartilhar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.