7 vilões que roubam dinheiro do seu negócio e como evitá-los

Blog

Conheça os vilões que roubam o seu dinheiro

7 vilões que roubam dinheiro do seu negócio e como evitá-los

Existem casos reais de profissionais que aos 26 anos eram executivos de sucesso, com 30, empresário bem-sucedido, mas  quando chegou aos 33, luta para sair da falência. E eu tenho certeza de que você não quer ser um desses exemplos certo? Então fique de olho no seu dinheiro! A autoconfiança e o descontrole do dinheiro podem causar consequências graves ao seu negócio. É importante seguir alguns passos constantemente para crescer cada vez mais.

Não deixe de ler o nosso último artigo sobre. Dinheiro digital no Brasil: como o Dash integrará com a Kamoney?

#Vilão 1 – Tarifas bancárias e de maquininhas

Tem uma coisa não conseguimos viver sem. Toda empresa precisa dos Bancos de alguma forma. Caso contrário como faríamos para pagar as contas e salários ou para realizar financiamentos, por exemplo.

Mas nessas horas as tarifas podem passar batidas e roubar muito dinheiro de você. Valores cobrados para movimentação na conta corrente e na poupança, ou na realização de transferências devem ser analisadas e renegociadas. Caso não chegue em um valor vantajoso para você, procure outras opções. Na hora de usar a maquininha é a mesma coisa.

Veja se as tarifas cobradas sobre a venda com cartão de crédito e débito estão de acordo com o combinado. E, também, sempre que necessário renegocie os valores que estiverem altos com a adquirente.

#Vilão 2 – Fraudes com cartão


Conheça um dos principais tipos de fraudes e entenda como ele pode levar o dinheiro da sua empresa sem você perceber:

  1. O fraudador faz a compra com cartão de outro titular;
  2. Você já enviou o produto;
  3. O verdadeiro titular do cartão percebe o fraude e faz o cancelamento junto à operadora.
  4. Você não recebe todas as parcelas da compra.

Por isso que sem o correto controle financeiro, você pode estar perdendo dinheiro. Afinal, você monitora se está recebendo todas as parcelas sempre?

#Vilão 3 – Falta da conciliação de cartão

conciliando as vendas no cartão


Com um software de conciliação de cartão de crédito e débito, é possível acompanhar diariamente a conferência de todas as transações das vendas com o cartão no sistema. Caso seja identificado alguma divergência, sua equipe consegue recorrer a tempo à operadora de cartão, fazer o cancelamento da compra fraudulenta e caso comprovado a entrega do produto, você recebe o restante das parcelas sem perder dinheiro.

Isso também vai te interessar. Conheça 6 bons motivos para fazer a conciliação de cartão no pequeno varejo


#Vilão 4 – O pagamento do mínimo
 

Apesar de ser uma opção segura fazer compras com cartão de crédito, a sua empresa deve ficar atenta aos pagamentos das faturas do mesmo. O valor mínimo que pode ser quitado é de 15% da fatura total. É aí que se acende um sinal de alerta. Caso isso seja feito, no próximo mês (pagamento de apenas 15%), no próximo mês o seu empreendimento terá que somar mais os 85% da última fatura, acrescido de juros. Veja alternativas para que isso não aconteça e não gere uma dívida que só aumenta de acordo com o tempo.

#Vilão 5 – Falta de controle financeiro

Pode acreditar,  o controle financeiro é decisivo para garantir o sucesso de qualquer empreendimento. Para entender melhor como a falta deste item pode roubar o seu dinheiro, apenas um exemplo: comparar os preços é uma questão extremamente essencial e faz parte deste monitoramento. E é com esta atitude que você consegue economizar 2%, 7%, ou até 10%, veja o tanto de dinheiro que você pode perder sem fazer isso!

#Vilão 6 – Contas da empresa com sua conta pessoal

7 vilões que roubam dinheiro do seu negócio e como evitá-los


Muita atenção para este vilão porque ele é bem propício de acontecer, além de ser bem perigoso também. O maior perigo é este: vamos supor que o empreendedor faça um grande investimento na sua vida pessoal utilizando o bom momento financeiro da empresa. Neste momento ele sacrifica a segurança e o capital de giro tão importantes para qualquer tipo de negócio.

Mas existem diversos prejuízos como também a perda do controle financeiro. Imagine que você está usando o dinheiro da empresa para pagar contas da sua casa. Isso pode te dar a impressão que o seu negócio não está te dando tanto lucro causada pela saída de dinheiro constante. A falta de controle dos gastos é outro. O que poderia ser usado como investimento será usado para despesas prejudicando o crescimento da sua organização.

Não podemos esquecer dos possíveis problemas com a Receita Federal. Caso não registrados, esses gastos pessoais na empresa poderão cair na malha fina, com uma situação de “rendimentos de trabalho disfarçadas”.

#Vilão 7 – Desconhecimento das leis


Você investe em assessoria jurídica?

Acredite, é importante também contar com esses especialistas desde o início do negócio. Muitas empresas já sofreram dores de cabeça com desperdício de dinheiro decorrentes de multas e processos trabalhistas, por exemplo, e você não quer isso, não é mesmo? As leis no Brasil somam-se em quantidades exorbitantes. Por isso, a dica aqui é encarar este desafio quase impossível para um empresário sem experiência com a ajuda do suporte jurídico.

Quer manter seu controle financeiro em dia? Tire dúvidas conosco e tenha um controle financeiro completo. Acesse www.conciliadora.com.br

Compartilhar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.