Blog

Brasileiro está usando mais cartão de crédito

Brasileiro usando mais cartão de crédito

O volume de compras parceladas no cartão representava 47,2% da movimentação de crédito em 2014. No ano passado, esse volume subiu para 51,7%. Os brasileiros estão usando mais cartão de crédito.

Nos shoppings, muita gente circulando, poucas sacolas nas mãos, mas muitos planos de fazer compras, usar o cartão de crédito e pagar em 3, 5, 10, quantas vezes a loja oferecer.

“Faço no máximo que der sem juros. Eu sou gastona, gosto de gastar e aí sobra mais limite mais pra eu usar mensalmente”, revela Luciana Cristina de Oliveira, administradora de empresas.

“Todo mundo quer pagar a perder de vista. Ainda mais nessa questão do mercado em crise, as pessoas nesse começo de ano com muitas dívidas para quitar, IPVA, matricula no colégio”, diz Bruno Reis, supervisor de loja.

Segundo a Associação Brasileira das Empresas de Cartão de Crédito, os consumidores estão cada vez mais usando o cartão para dividir o valor das compras. Em 2014, o volume de compras parceladas no cartão representava 47,2% da movimentação de crédito no país. No ano passado, esse volume subiu para 51,7%. Mas o valor médio gasto nas compras caiu. De R$ 86,90 no fim de 2014, para R$ 76,77 no mesmo período do ano passado.

No total, 83% de quem compra pela internet, paga com cartão de crédito. E 74% dos usuários de cartão dizem que gastariam menos dinheiro se não pudessem parcelar uma compra no cartão de crédito.

Fonte: G1 / Bom dia Brasil

Muitas vendas com cartão?

Você sabe se recebe tudo o que vende? E as taxas cobradas nas vendas com cartão? Você monitora? Também acontecem muitas fraudes que podem prejudicar a sua empresa. Como monitorá-las? Com os brasileiro usando mais cartão de crédito e tantas parcelas, estes são alguns dos motivos para conciliar cartão de crédito. A dica é utilizar um sistema online e automático para conferir todo o seu fluxo das vendas com cartão.

Você conhece a Conciliadora? Clique aqui e comece a conciliar.

Compartilhar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.