Blog

o guia completo do processamento de valores e tarifas do cartao de credito

O guia completo de taxas aplicadas nas vendas com cartão

A quantidade de taxas aplicadas para vender com cartão de crédito nas empresas é extensa, complicada e às vezes pode sobrecarregar quando mal controlada. Contudo, você tem que pagá-las para aceitar cartões de crédito na sua empresa. Ao invés de pagar esses encargos às cegas, você pode fazer um esforço para compreendê-los. Dessa forma, você pode contestar quaisquer custos que você acha que são injustos ou obter uma melhor compreensão das suas verdadeiras despesas. Esperamos que este guia vá ajudá-lo a fazer exatamente isso.

Se você está pressionado pelo tempo e confia em nosso julgamento aqui no Merchant Maverick, então eu sugiro que você dê uma olhada nas principais bandeiras de cartão atuais e adquirentes. É importante conhecer bem este mercado para melhor gerir sua empresa!

Partes envolvidas
Antes que você possa começar a entender as taxas, você precisa saber sobre as partes envolvidas com elas. Considere estas os “intermediários” financeiras entre um cliente e comerciante. Elas incluem:

Bandeiras de cartão: Estes são, obviamente, as empresas que criam os cartões de crédito, como Visa, MasterCard e American Express. Estes são os caras que definem as regras.

Bancos Emissores de Cartão de Crédito: Estas são as instituições financeiras que emitem cartões de crédito, como BB, Caixa Econômica, entre outros. Algumas bandeiras de cartões assumem o papel de um banco, bem como, desenvolvem e divulgam seus próprios cartões. Exemplos incluem Discover e American Express.

Adquirentes: essas instituições atuam como mensageiros entre comerciantes e as bandeiras. Eles processam as vendas e as validam. Há diversas adquirentes disponíveis hoje no mercado. É importante pesquisar qual delas atende melhor ao perfil da sua empresa. Exemplos: Cielo, Rede, Bin, Elavon e Getnet.

adquirentes

Gateways de Pagamento: São empresas que processam vendas com cartão que funcionam normalmente em compras online. (PagSeguro, Mercado Pago, PayPal e outros).

Tipos de Taxas

Agora que nós abordamos todas as partes envolvidas, vamos discutir os diferentes tipos de taxas em qualquer transação de cartão de crédito.

Taxas transacionais
As taxas são aplicadas em cada venda com cartão. Elas representam boa parte do custo operacional com os cartões.

Taxas fixas
Além de taxas de transação, você pode ser cobrado por algumas taxas fixas também. Elas variam de acordo com nome, valor e aplicabilidade, mas pelo menos algumas delas vão aparecer em suas declarações mensais, como por exemplo, aluguel de maquinetas.

Taxas ocasionais
Taxas fixas são sempre cobradas, mas as taxas incidentais só aparecem por incidente. Quando um chargeback ocorre, por exemplo, uma taxa de estorno é cobrada. No entanto, há mais do que uma taxa ocasional, continue a leitura para descobrir quais são.

Taxas-base e taxas fixadas

Todas as taxas cobradas por vendas com cartão se enquadram em uma das duas categorias: (1) as tarifas chamadas taxas-base, e (2) as taxas fixadas. Basta lembrar, as taxas fixadas são negociáveis, enquanto que as tarifas base não são.

1.Taxas-base
O uso do termo “taxas-base” ajuda a imaginar o significado por trás deste tipo de taxa. Suas tarifas são exatamente como soam. Estas taxas são determinadas pelas bandeiras de cartões de crédito (Visa, Mastercard, entre outras). Elas são consistentes independentemente de qual adquirente que você escolher. Em outras palavras, não tente negociar essas taxas com as bandeiras de cartão. Isso não vai acontecer.

2. Taxas fixadas
Suas taxas fixadas são como sua operadora de cartão de crédito cobra pelas transações de venda com cartão no seu negócio. Com algumas adquirentes, é possível ter taxas mais acessíveis. Com outras, você pode estar em apuros, elas podem ser abusivas. Existem adquirentes que dificultam a identificação das taxas utilizando termos complicados para o confundir. Taxas fixadas são diferentes de adquirente para adquirente e são o que você deve comparar e negociar.

Resumo

Cada cartão de crédito têm um diferente conjunto de custos associados aos seus serviços. Alguns deles são inevitáveis, mas outros podem ser negociados. Lembre-se de ter em mente que a maioria das taxas fixadas podem ser negociadas. Se você processar uma grande quantidade de operações com cartão, deve negociar com sua adquirente!

Fonte: Texto publicado no Merchant Maverick, traduzido e adaptado para publicação no blog (The Complete Guide to Credit Card Processing Rates & Fees).

Quer monitorar as melhores taxas? Fale conosco.

Compartilhar

Comentários (3)

  • William Responder

    O comerciante – quando um produto é pago por duas pessoas (dividindo a conta) – paga mais taxas do que se fosse apenas um cartão?

    4 de maio de 2017 de 15:06
    • Gabriel Speziali Responder

      Oi William, tudo bem?
      Sim, a taxa é cobrada por cada venda com cartão.

      10 de maio de 2017 de 11:51
    • Marcelo Paiva Responder

      Não William! A taxa por operação é percentual, então, independente da quantidade de cartões que serão utilizados, o valor final é o mesmo. Exemplo: conta de 100 reais com taxa de 2,5% voce pagará R$ 2,50
      Se dividir em 2 cartões de R$ 50 vc pagará R$ 1,25 de cada.

      31 de maio de 2018 de 05:18

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.